segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Sábado

Este sábado que passou teve um início divino: 90 minutos de um tratamento spa que me deixou leve, leve.

A minha avó fez ontem 90 anos...

E diz que agora o objectivo da vida dela é esperar pelo meu casamento. Isso é que é pressão.

Segunda Feira só para mim

Hoje passarei o dia quase sozinha no meu trabalho e gosto muito disso. Despacho tarefas muito mais depressa e com elevado grau de concentração, coisa que em dias normais, não é bem assim. E hoje sinto-me mesmo bem para finalizar assuntos que estavam pendentes desde sexta. No fundo o que eu precisava mesmo era de uma paragem no tempo de uma semana para pôr em dia tudo o que está atrasado, mas para isso tinha de parar o mundo e ficar "à frente". De modo que hoje é para dar resposta a quem está à espera desde sexta...

sábado, 29 de outubro de 2011

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

São poucos, muito poucos...

... mas existem pessoas que podem chegar a qualquer hora a minha casa. Que se telefonarem a dizer: "Daqui a 15 minutos estou ai" a única coisa que faço é arrumar a casa no tempo que me sobra e tornar a visita mais confortável. Foi o que aconteceu ontem. E foi muito bom. Tenho amigos muito bons, volto a salientar. Ai rir.  

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Raios partam a todos

"I've got another confession to make I'm your fool..."

O teu cheiro em mim permanece até agora

No teu poema
Existe um verso em branco e sem medida
Um corpo que respira, um céu aberto
Janela debruçada para a vida
No teu poema existe a dor calada lá no fundo
O passo da coragem em casa escura
E, aberta, uma varanda para o mundo.
Existe a noite
O riso e a voz refeita à luz do dia
A festa da Senhora da Agonia
E o cansaço
Do corpo que adormece em cama fria.
Existe um rio
A sina de quem nasce fraco ou forte
O risco, a raiva e a luta de quem cai
Ou que resiste
Que vence ou adormece antes da morte.
No teu poema
Existe o grito e o eco da metralha
A dor que sei de cor mas não recito
E os sonos inquietos de quem falha.
No teu poema
Existe um canto, chão alentejano
A rua e o pregão de uma varina
E um barco assoprado a todo o pano
Existe um rio
O canto em vozes juntas, vozes certas
Canção de uma só letra
E um só destino a embarcar
No cais da nova nau das descobertas
Existe um rio
A sina de quem nasce fraco ou forte
O risco, a raiva e a luta de quem cai
Ou que resiste
Que vence ou adormece antes da morte.
No teu poema
Existe a esperança acesa atrás do muro
Existe tudo o mais que ainda escapa
E um verso em branco à espera de futuro

Carlos do Carmo

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Podia ter sido melhor...

Vá. Cairam umas pingas. E o vento assobiou um pouco em cada esquina. Mas nada que me mate saudades. Vamos a ver os próximos dias.

domingo, 23 de outubro de 2011

Esta gata mata-me

Ontem, depois de uma manhã por demais ternurenta com Margot, quando chegamos a casa das compras tinhamos a travessa com o resto do almoço, muito bem agasalhada, estatelada no chão, em mil pedaços. Margot superou-se. Além de ter andado em cima da bancada - zona proibida - como não conseguiu tirar a coberta da travessa, achou por bem dar-lhe umas patadas... até ao chão. O castigo foi terrível: o resto do dia sem falar-lhe. Por deus que me custou pela vida! Hoje de manhã já não aguentei mais e cobri-a de beijos e abarços. E a bicha, esta doçura, ficou numa alegria que só visto. Não consigo olhá-la quando está triste. Parte-me o coração. Prefiro-a assim: energética e... perigosa.

Estou à espera

Disseram que hoje será o primeiro dia de Outono com chuva e vento a sério e até agora nada.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Estado de Choque

Não percebo o objectivo de mostrar um video às 20h num telejornal de um corpo humano ensanguentado e em farrapos no meio de uma multidão, aos tombos, de mão em mão. Juro que não percebo. Não consigo em situação alguma festejar a morte.

Tenho andado desaparecida, eu sei, mas tenho tido uma semana de muito trabalhinho...

... e para a semana vai continuar.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

sábado, 15 de outubro de 2011

BUSSACO













O meu reino encantado por terras continentais.

Em casa...






A francesinha não foi em casa... Foi à beira rio no Irish Mondego. Vim a rebolar para casa! O Rui empurrava...

Manhã de sádabo a preparar a semana que ai vem




Granola. Do livro "Dias com Mafalda" de Mafalda Pinto Leite. Tem um cheirinho, um sabor... Esta semana vou começar bem os dias. Acabou-se o "Chocapic" com leite magro todos os dias dos últimos 2 meses engolidos quase inteiros. Agora não. Agora é esta delícia com iogurte e frutas. Ando a precisar de variar... a vida.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Bem

... já não recebi o meu subsidio de natal de 2010 de modo que já estou calejada. Fico frustrada com a situação? Fico. Preferia não estar a passar por isso? Preferia. Mas não deixei o meu trabalho para ir para o Centro de Desemprego apesar de o poder fazer. Chamam-me de tola? Chamam. E se calhar até sou, mas sei que esta situação vai passar. Sei que as tempestades podem ser muito violentas, mas aguentá-las com firmeza só me torna mais forte. Até porque até agora foi assim: uma luta a vida inteira e tudo o que tenho foi conseguido com o meu esforço. E sei que enquanto não me faltar comida na mesa, o meu rapaz na minha cama, Margot na varanda e saúde à minha família e amigos tenho força para aguentar o que vier. Portanto, vamos lá a respirar fundo, manter a calma e obrigar o corpo a levantar-se todos os dias para a luta. E não a travo sozinha.

RTP 1 a respeito da manifestação dos trabalhadores do sistema nacional de saúde na Grécia

"... os médico e enfermeiros manifestam-se contra o desmantelamento do sistema nacinal de saúde grego agora que é mais necessário uma vez que as taxas de suicídio aumentaram"... Ouvi bem? Sou só eu que acho isto uma verdadeira estupidez? Sistema Nacional de Saúde e SUICÍDIOS não são muito compatíveis, pois não?

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Não gosto nada da palavra "tchau".  

Braseiro

Juro que no sinal vermelho que apanhei na hora do almoço, cozi. Tamagochi on fire!

Ai...

Ai os amigos que eu tenho. Às vezes dá-me para pensar nos amigos que tenho e fico deslumbrada. Sei que todos dizem que os seus amigos é que são os melhores, mas garanto-vos, que os meus, corações puros e verdadeiros, são os maiores. Os meus amigos suportam meses de distância. Semanas de silêncio. Noites mal dormidas. Jantares salgados ou insonsos, conforme o humor. Bebedeiras de caixão à cova com direito a declarações de amor de fazer corar as pedras da calçada. Atrasos de 2 horas. Aturam a minha Margot mesmo sendo alérgicos a felinos. Suportam o meu mau feitio; e compreendem o meu silêncio. Cuspo-lhes verdades que mais ninguém se atreve e mesmo assim não arredam pé. Ninguém tem amigos iguais aos meus. Penso neles diariamente e nunca lhes telefono: gosto de pensá-los assim, meus, só meus, em silêncio. Só tenho amigos verdadeiros, amigos do peito. Tudo o resto são conhecidos - os indiferentes; e, os conhecidos de quem não gosto, são filhos da puta. É simples. Mas sei os meus amigos todos. Sei-os de trás para a frente, de cima para baixo. Sei que os posso abraçar quando quiser. E sei que eles sabem que o meu ombro é um lugar de paz. Tenho amigos de à 20 anos e de à 2 meses e por Deus, que os vou ter até aos 90.   

domingo, 9 de outubro de 2011

Not Again!!!


E anda tudo a sublinhar que foi a sua "mais pequena maioria de sempre". Que bom. Estou bem mais sossegada.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Bike

O que eu já me ri...


Juro que chorei a ver estas 25 fotos!! Vi aqui e descobri aqui.

Emocionante

Nunca está alma vai conseguir algo com o seu próprio esforço?!

Sócrates foi recusado duas vezes em Paris

 

Pronto. Agora basta de Correio da Manhã.

Livra-te mulher!

Sexta Feira

Descobri no http://asnovenomeublogue.blogspot.com/.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Quem, mas quem me tira da cabeça que hoje é sexta feira?!

LOL


Parabéns!!!

Hoje é o dia em que o meu querido e companheiro Tamagochi faz 21 anos. Nos Estados Unidos já é maior de idade... Que orgulho! Continua ligeiro, leve e rápido (a arrancar!) e é um com enorme orgulho que faço parte dos fanáticos dos AX's. Amanhã vou aproveitar o feriado para leva-lo a passear e tirar umas fotos, mas hoje é dia de festa, portanto: PARABÉNS TAMAGOCHI!!!!

Por Deus!

É isto tudo que vamos averiguar no mais curto espaço de tempo», frisou Bravo Serra, reconhecendo que este caso manchou a credibilidade da justiça aos olhos dos cidadãos." (LUSA/SOL) - relativamente à prisão de Isaltino Morais na passada quinta. A mim não manchou nada, muito pelo contrário. Façam isso a mais uns quantos mas deixem-nos lá dentro mais tempo.  

Missivas

Agora já não escrevo cartas, mas alturas houve em que não fazia outra coisa. E esperava pelo carteiro como se esperasse pela vida. As palavras escritas tinham um encanto, um embalo que me serviam de consolo, amparo, aventura e desejo. A escrita sempre foi a forma nobre que encontrei para me expressar. E agora, com esta notícia, apercebi-me da falta que me faz.  

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Para ver melhor depois

Mas antes quero esclarecer uma coisa

O meu pecado capital é a ira. Sim senhores. BUUUUUUUUUUUUUUUUUU!

Só para findar a minha ira

Xiça

... que às vezes dá-me uma má criação, assim de repente, que começo a espumar da boca e a esgadanhar-me toda e quando paro e penso, nunca, mas nunca sei porquê.

domingo, 2 de outubro de 2011

Teve de ser


Após estas semanas de preocupações e coisas tive de ir gastar os tostões que me sobravam com coisas completamente dispensáveis. As calças, como eu sou a puxar para o anã, ficam perfeitas de comprimento - primeira vez na vida em que não tive de fazer bainhas a umas calças! e a t-shirt é tão bonita. Gosto da cor e do pássaro. Escusado será dizer que só não levei metade do Dolce para casa porque não tenho mesmo onde cair morta, senão haviam de ver. Mas fiquei um pouco mais calma. Um dia ainda vou tentar perceber esse meu impulso desenfreado por gastar dinheiro com coisas que não preciso.